Eu sei, acredite em mim. Eu sei que você gostaria de todos os seus familiares e amigos estivessem presentes no dia do seu casamento. Mas o orçamento está apertado e, inevitavelmente, você terá que cortar. Mas como decidir quem vai e quem fica?

É sempre uma decisão polêmica. Para te ajudar a entender como funciona, fizemos um passo a passo. Olha só:

Dicas para cortar alguém da sua lista de casamento

– Quem paga: quem é que está ajudando vocês com os custos do casamento? Se for o pai da noiva, ele certamente deverá ter mais convidados que você, isso é fato. Se forem vocês dois em partes iguais, cada um poderá chamar o mesmo número de convidados. Decida um número base que cada um poderá convidar e se mantenham firme nessa meta.

– Comece do começo: uma ideia é que você faça uma lista com todos aqueles que você deseja convidar. Veja se essa lista está, de fato, dentro do estilo de casamento que vocês pretender ter. Sejam realistas.

– Tenha prioridades: veja se a sua lista está casando com o tipo de casamento que você quer ter, bem como o orçamento disponível. É preciso analisar com cautela.

– Deixem a culpa de lado: você não tem obrigação de convidar o tio-avô que você não vê há 10 anos. Procure partilhar desse momento com quem esteve presente na sua vida e que acompanharam a história de vocês, juntos. É com essas pessoas que você deverá contar.

– Divida por mesas: divida os convidados em mesas e decidam-se, efetivamente, quem vai e quem fica. Procure colocar números ímpares na mesa, porque as pessoas tendem a conversar mais se não estiver em números pares. Coloque as pessoas que mais gostam de dançar na pista de dança, faça a distribuição corretamente, de acordo com a característica de cada um.

Lembre-se que essa é uma data muito especial. Você não deve se sentir culpado por não chamar ou chamar alguém. Siga seu coração! <3

Categorias: casamento